Navegando por Categoria

#healthyfood

#healthyfood

Dadinhos de Tapioca

5 de abril de 2016

 

Queridos,

Eu e minha amiga Regina Pagan juntamente com nosso parceiro a  Casa Amarela. Pegamos essa receita de Dadinhos de Tapioca, como aperitivo fit para fazer e ficou bom demais!!!!

Confiram:

Dadinhos de Tapioca

Ingredientes:

  • 500ml de leite desnatado
  • 250gr de Tapioca Granulada
  • 250gr de queijo coalho
  • sal a gosto
  • pimenta do reino a gosto 

Preparo:

Colocar o leite para ferver, assim que levantar fervura desliga e acrescenta sal e pimenta. Logo em seguida adicione a  tapioca e o queijo coalho.

Colocar em uma forma de vidro untada e colocar na geladeira por 2 horas.

Após duas horas cortar em quadradinhos iguais e levar ao forno na temperatura de 250 graus por 10 minutos.

Sirva com geleia de pimenta como acompanhamento.

Bom apetite!!  

Apoio:

Nutrição Esportiva:  Rafael Soares

Fotografo/Video:  André Sanchez

Bjão

Fabi

 

#Dicas, #healthyfood

Ayrton Senna e o Atletismo

31 de outubro de 2015

Airton Senna, um grande atleta, uma grande inspiração! Mais que piloto, atleta um CORREDOR!

as

O início

“Eu tive que mudar alguns hábitos dele”, lembra o treinador. “Ele tinha 22 anos, era jovem, com a testosterona exalando pela pele, e tinha aquela coisa da noite. Ele ia dormir sempre muito tarde, por volta das 2h.” Cobra convenceu Senna de que dormir mais cedo seria importante para a sua recuperação. “Ele também era uma máquina de comer. Engolia tudo muito rápido, sem mastigar. Eu disse a ele: ‘Ayrton, estômago não tem dentes’.” Logo, com os conselhos do treinador, o piloto passou a mastigar a ponto de a comida virar um líquido em sua boca.

Não é à toa que Cobra insiste que o dom de Senna era o ‘fazer’. “Essa determinação dele fez com que chegasse onde chegou.” Segundo o treinador, “o mais difícil foi impor um outro estilo de vida, com novos hábitos”. Nuno lembra de uma entrevista que o atleta conscedeu à TV Globo, no início de sua carreira – antes mesmo da Fórmula 1 –, dizendo que detestava correr.

Na época da Fórmula 3, o piloto acreditava que tinha algum problema de coração, pois se sentia mal após as corridas. “Eu fiz todos os testes nele e, obviamente, descobri que ele não tinha problema nenhum, apenas não trabalhava esse músculo o quanto era necessário para toda a atividade que ele praticava.” Os primeiros passos de Senna foram caminhando, por conta de sua debilidade cardiovascular. “Pouco a pouco, foi evoluindo, sempre treinando na pista de atletismo.”

Evolução

Depois que Senna adquiriu certo preparo físico, ele começou a fazer uma preparação especial. “A temporada terminava em outubro e eu dava alguns dias para ele descansar”, revela Cobra. “Em seguida, começávamos a preparação. Ele passava outubro, novembro, dezembro, janeiro, fevereiro e início de março, quando, na época, o Grande Prêmio de Jacarepaguá abria o calendário da Fórmula 1, treinando quatro horas por dia.” Ou seja, o sucesso era fruto de muita dedicação.

“O Ayrton pegou o final da era romântica, em que os pilotos só queriam sair para a noite”, comenta Nuno. “Senna introduziu esse trabalho de preparação, não só física, mas da pessoa”, pois, de acordo com o treinador, a transformação não é só do corpo, e sim, da pessoa como um todo.

O método de treinamento ensinado por Cobra utiliza apenas o corpo, sem aparelhos de academia. “Um dia, perguntei para o Ayrton o que ele mais gostaria de fazer com o corpo e ele me respondeu que era se erguer em uma barra, pois alguns amigos dele faziam isso.” Com o preparo adquirido, Senna conseguiu realizar o feito – e muito mais. “Aquilo que era impossível, ficou fácil. Houve uma mudança espiritual para ele, que começou a ver o poder que tinha e isso dava muita confiança na hora das corridas.”

Curiosidades

De acordo com o treinador, não havia um exercício que Senna não gostasse. “Eu costumo brincar que o cara que se exercita e se dedica bastante, faz aquilo por que gosta, bem como o cara que não faz nada é assim porque adora!” Senna gostava de correr e fazer os exercícios passados por Nuno, pois percebia que sua saúde melhorava e sua capacidade dentro das pistas também.

Outra passagem curiosa é a influência do piloto para que, até hoje, Adriane Galisteu – com quem Senna namorava quando faleceu, em 1994 – corra. “Um dia, o Ayrton me pediu para dar uma ajuda, pois a Adriane acordava e tomava dois copos de Coca-Cola.” Senna não se conformava com isso. “Ele tinha um carinho muito especial por ela, maior do que pelas outras. E olha que eu conheci todas”, brinca. Com o auxílio de Nuno, a modelo começou a caminhar no Parque do Ibirapuera, em São Paulo. Na edição 25, de novembro de 2012, da revista W Run, ela confirmou a história. “Aprendi a gostar de correr com o Nuno Cobra, preparador físico do Ayrton Senna.”

ayrtonadriane-1

O treinador fez uma revelação. “Acho que nunca contei essa história antes, mas a Adriane estava se preparando bastante, pois queria correr ao lado do Ayrton. Ela viajou para Imola naquele fatídico fim de semana para fazer uma surpresa para ele”, diz. “Ela ia, pela primeira vez, correr lado a lado com Senna. Estava bem preparada, mas, infelizmente, não deu tempo.”

Se estivesse vivo, Senna correria até hoje?

“Sem dúvida”, responde, de bate-pronto. “Ao longo dos dez anos que trabalhamos juntos, ele jamais se machucou e fazia aquilo, não só porque ficava mais preparado para pilotar, mas porque gostava e fazia bem para a sua saúde.”
1
Cobra faz uma última colocação a respeito do piloto. “Queria que as pessoas se espelhassem nessa figura impressionante que ele era. Senna é o maior exemplo de que podemos transformar completamente nossas vidas.” Para o treinador, “Ayrton teria sucesso em qualquer atividade que quisesse por conta da sua dedicação e comprometimento sem igual”.

ayrton

Eternas Saudades  Ayrton Senna!

Beijos

Fabi

#healthyfood, #receitas

Bolo de Pão de Queijo

28 de setembro de 2015

Aqueles que me seguem no Snapchat Fabianabatistta eu mostrei o passo a passo dessa receitinha maravilhosa do Bolo de Pão de Queijo. Vira e mexe eu faço essa receita que é SUCESSO garantido! Então chega de blá blá e vamos ao que interessa. rs.

bolo

Bolo de Pão de Queijo

Ingredientes:

4 ovos orgânicos

1/2 xícara (chá) de Óleo de Coco ou Azeite Extra Virgem

1 xícara (chá) de leite desnatado (Tenho intolerância a lactose então substituo por Leite Vegetal de Arroz)

4 xícaras (chá) de Polvilho Doce

Sal do himalaia à gosto

1 colher (sopa) de Fermento em pó

1 xícara de chá de Queijo Parmesão Light (Tenho intolerância a lactose – Leite de Vaca então substituo por Queijo de Cabra ou Ovelha)

Untar a forma com Manteiga Ghee ou Oléo de Coco

Modo de Preparo:

Junte no liquificador o leite, ovos e o óleo de coco ou azeite, bata rapidamente até formar um creme, transfira para uma vasilha e junte o polvilho, sal e mexe até obter uma massa cremosa.

Adicione o queijo e misture devagar, por último junte o fermento em pó e misture. Coloque a massa em uma forma redonda com um furo no meio e untada.

Leve ao forno pré-aquecido(10 minutos) por aproximadamente 30 minutos ou até dourar. Desenforme com cuidado após esfriar e sirva em fatias. 

Bom apetite!

Beijos

Fabi

#healthyfood, #projetofabibatista, #receitas

Nhoque de Batata Doce

21 de agosto de 2015

Eu sou adepta da alimentação funcional. A receita de hoje é do Bruno Azevedo(dicas de musculação). Essa receita é muito fácil, rápida para fazer e deliciosa. Esse nhoque rende muito. Vale a pena fazer!

NHOQUE4

Nhoque de Batata Doce

Ingredientes:

  • 1kg de batata doce
  • 1/2 xícara de farinha de trigo integral
  • 2 claras de ovo

Preparo:

Cozinhe as batatas até amolecer. Depois amasse-as. Em um recipiente misture com a farinha de trigo integral e as duas claras de ovos. Mexa até que vire uma massa não muito grudenta. Molde as bolinhas como as tradicionais do nhoque, e coloque-as para cozinhar na água fervente. Quando subirem a superfície da água elas já estão prontas e pode retira-lás. Bote em um escorredor e pronto . Coloque-as em um prato, fundo de preferência, e sirva com o molho de sua preferência(o meu preferido é o vermelho caseiro). Sugestão de molho: Alguma fonte de proteína como frango.

Bom apetite!

nhoque1

Beijos

Fabi 

#Dicas, #healthyfood, #projetofabibatista, #receitas, Beauty, Beleza, Bem-Estar

Bolo de Banana (Funcional)

14 de julho de 2015

Oi pessoal! Tudo bem com vocês? Espero que sim!

Eu ando corrida literalmente, a minha estréia na meia-MARATONA está chegando, é dia 26 de julho no Rio de Janeiro. Eu fui na nutricionista, cardiologista, na médica nutróloga fiz visita também ao ginecologista, check-up completo com diversos exames de sangue, exames do coração e correções no meu cardápio alimentício . Tudo é fundamental para seguir em ordem com meus treinos de corrida e ir bem preparada até a Meia-Maratona! Gente, não é FÁCIL. É viciante é um ESTILO DE VIDA saudável é uma opção de vida.  Uma MEGA experiência de vida ÚNICA! O emocional é fundamental para atingir o ponto de equilíbrio

Vou mostrar aqui prá vocês uma das minhas delícias da minha alimentação funcional. É um bolo fácil e rápido de fazer. Excelente para manter a glicemia e a saciedade. Quero esclarecer aos que me perguntam, alimentação funcional é super fácil de fazer, basta você trocar os alimentos industrializados por naturais. Eu não faço uso de farinha branca, leite, açúcar…tenho intolerância ao leite. E convenhamos que o leite é para bezerro beber e não seres-humanos (exceção feita ao leite materno, o melhor alimento do mundo).

Procure um médico nutrólogo e peça os exames para saber melhor sobre isso.

 

Bolo de Banana(Funcional)

Ingredientes:

6 Bananas Nanicas

1 colher de sopa de canela em pó

3 ovos peneirados

2 colheres de sopa de manteiga (manteiga Ghee ou óleo de coco)

2 xícaras de aveia em flocos

1 xícara de castanhas (Castanha do pará, castanha de caju, amêndoas ou nozes)

1 xícara de frutas secas (uva passa, ameixa ou damasco)

1 colher de sopa de fermento químico

Preparo:

Bater no liquidificador os ovos, as bananas, a canela e a manteiga. Reservar. Em uma tigela colocar a aveia, as castanhas e frutas secas. Acrescentar o creme batido no liquificador e juntar o fermento químico. Levar em forno pré-aquecido por 30 minutos.

Rendimento: Uma assadeira pequena.

Eu faço esse bolo e depois congelo em partes. Rende para a semana e é mega saudável para todos nós. Não contém açúcar, conservantes, sem glúten e sem lactose.

Espero que gostem!

A receita é da minha nutricionista, Esther Vitorazzi , ela atende na clínica Canizza.

Clínica Canizza

Fone: (17) 3224-7488 / 3232-3789 /3353-9812 / 3353-9783
Rua Centenário, n° 100 Jardim Europa
São José do Rio Preto -SP

www.esthervitorazzi.com.br

Obrigada pela visita!

Beijos

Fabi